segunda-feira, 24 de abril de 2017

o companheiro nosso de todo dia!

Era um fim de tarde de primavera, acho que 1987. O verão se aproximava; as tardes já eram mais longas e tínhamos o costume de encerrar o dia tomando mate na frente (ou nos fundos) de casa. Meu pai me chamou na cozinha e avisou que ia me ensinar a fazer chimarrão. Não lembro se houve resposta, devo ter dado aquele sorriso discreto (típica de adolescente), que traduzia o pensamento blasé "pra que aprender a fazer chimarrão". Minha  memória daquele fim de tarde se encerra por aqui. O tempo passou, eu cresci, e o mate passou a fazer parte da minha rotina. 

Fato é: em todos os lugares por onde moramos e onde andamos,  o companheiro de todas as horas vai na mala (mais precisamente, na mateira - espécie de bolsa especial pra carregar o chimarrão). Sabe aquela expressão: lá vem ele, de mala e cuia?!?! É a mais pura tradução de que o chimarrão preenche a vida de quem o aprecia!


Para os adeptos e amantes do chimarrão, trata-se de um ritual.  E pra quem, com olhar curioso nível máximo, pergunta qual gosto tem, ou o que é??, no blog chimarrao.com tem uma explicação bacana: "segundo institutos de pesquisa internacionais, é um tônico estimulante do coração e do sistema nervoso: elimina os estados depressivos, conferindo ao músculo maior capacidade de resistência e a fadiga, sem causar efeitos colaterais. Após estudos realizados sobre os efeitos fisiológicos exercidos pela erva mate, concluíram - o emprego da infusão desenvolve as faculdades mentais, tonifica o sistema nervoso e regenera as funções do coração e respiração, facilita a digestão e determina uma sensação de bem estar e vigor no organismo, sem acarretar efeitos colaterais no organismo, como insônia, palpitações ou agitações nervosas provocadas por outras bebidas similares". 

Há alguns anos,  numa "tarde com amigas criativas em Brasilia, rolou post bem bacana e guardo com carinho - fotos Quitandoca!








fotos Quitandoca

sexta-feira, 14 de abril de 2017

Se é Páscoa, tem amor e ovos!


Há muitos anos (muitos mesmo) as casquinhas de ovos acompanham meus feriados de Páscoa! A tradição já era feita pelas minhas avós, que colocavam ovos cozidos e tingidos na mesa do almoço, ou embebiam as casquinhas (previamente lavadas, é claro)  em balde d`'agua com tinta óleo, e depois de secos, recheavam com amendoim doce. O resultado visual dessa técnica era incrível... mas confesso que há alguns anos fiz em casa e a sujeira foi tão superior à beleza que acabei desistindo de repetir a técnica nos próximos anos! O tempo passou, os ovos passaram a ser decorados pela minha  mãe, e é claro, a próxima da fila fui eu, e  a cada ano, curto decorar e enfeitar de um jeito diferente. 

O ovo é um símbolo bastante antigo, anterior ao Cristianismo, e representa a fertilidade e renascimento da vida. Me encanta  ver que em diversos lugares mundo afora as famílias decoram suas mesas de Páscoa com os tradicionais ovos de galinha, pra acompanhar divertidas e diferentes sugestões é só dar um google, pinterest ou  mesmo garimpar no instagram pra conferir de perto (fiz uma seleção no perfil do instagram #garimposdalugastal - clica AQUI). 

Estive em viagem no último mês e pra essa Páscoa o tempo ficou curto, mas sempre dá tempo de preparar algum detalhe bacana pra surpreender na décor - o post de hoje traz algumas sugestões de decor em casquinhas de ovos; algumas nasceram nessa semana em Lisboa, no  ateliê MundodeSofia, e as demais fiz em anos anteriores (pode rechear com amendoim ou mini chocolates do tipo confetes ou m&m, ou decorar com flores!

 (pra decór da mesa de páscoa, foram usadas casquinhas de ovos com flores secas - sugestão feita nessa semana em Lisboa, no ateliê da Sofia Cotrim)

(aqui usei casca de ovo com aplicações em tecido (sobreposto à cartolina) e detalhes em biscuit e tinta)


(decorei com decoupage - usando figuras que recortei de guardanapos de papel- colei com cola branca em ovos plásticos)

(aqui fiz decoupage com figuras recortadas de guardanapos de papel, e colei em ovos de avestruz, que usei como vaso)

(aqui usei ovos plásticos coloridos na decoração da mesa de Páscoa. Dentro recheei com amendoim)



Ainda dá tempo de rechear e decorar alguns ovos e colorir a Páscoa. Tem vídeo no canal lugastal do youtube, passa lá e confere como fiz a decoupage com guardanapos de papel.
Clica AQUI!