domingo, 20 de julho de 2014

Salve o 20 de julho!



Adoro o 20 de julho! Lembro desde a época da adolescência, quando a data era lembrada sempre num dia gelado das férias de inverno. O tempo passou, alguns amigos vieram, outros se foram. É engraçado, mas a vida com suas mudanças malucas muitas vezes afastam ou aproximam as pessoas, independente das distâncias. Muitas pessoas culpam a distância pelo fato de perder seus queridos pelo caminho, mas não é verdade... só perdemos quem queremos, da mesma forma como conquistamos quem queremos; é uma questão de dedicação mútua. Ok, hoje as redes sociais ajudam muito o reencontro de pessoas que perdemos pelo caminho, mas cabe apenas a elas a opção de escolher ou não restaurar uma amizade antiga.

Vivo as amizades à moda antiga;  meus amigos me são muito especiais, e como qq relacionamento tem seus problemas, sigo a ideia de que pequenos desajustes devem ser discutidos olho no olho. Nada melhor do que alguém que entende o teu silêncio, sem encher o saco pra questionar qual o motivo, ou quando liga só prá dar um oi e saber notícias; assim, sem  interesse, apenas baseado no princípio mais salutar de uma verdadeira amizade: a reciprocidade. Pra mim um relacionamento é como um contrato, tem de ser vantajoso e valioso para ambas as partes - não há nenhuma assinatura expressa, nem rubrica nas primeiras páginas, mas as cláusulas de confiança estão lá, em letras de tamanho legível para o entendimento de cada um, e em caso de qq deslize, não há necessidade de se eleger um "foro para dirimir quaisquer divergências provenientes desta convenção", uma boa e sincera conversa resolve qualquer pendência (se for acompanhada de um chopp com batatinha frita, melhor ainda)!. Simples assim, quase que uma "manutenção diária pós conquista".

É à gente que cabe a eleição dos nossos amigos; os "verdadeiros", os "mais ou menos", os "do peito" (na alegria e na tristeza), os de "comer pizza e tomar chopp", os "da faculdade", "do colégio", os “do facebook” e por aí pode ir uma interminável lista. Muitas vezes são totalmente diferentes, de tribos e estilos distintos, mas nem por isso deixam de ocupar um espaço especial no nosso coração. Divergências de estilo, política, de futebol, musical, etc etc etc; não importa, o que vale é a fidelidade!!


(post para blog Elo7 - 20 de julho - dia do amigo)

3 comentários:

disse...

Amigo é coisa pra se guardar, do lado esquerdo do peito ...

Eclidéa disse...

Lú.te conheci semana passada no Eduk.acompanhei vc com as tildas...e já me sinto sua amiga...aprendi muito com vc...muito bacana te conhecer...sou da Bahia..da cidade de Salvador..estarei senpre por aqui ...beijss...Eclidéa...

lugastal disse...

Fê e Eclidéa, obrigada por serem minhas amigas, mesmo que virtuais, e acompanharem meus dias! beijos!