domingo, 22 de junho de 2014

Cores no inverno lugastal - ano III


Pois é... em janeiro desse ano, quando a temperatura  ultrapassava os 42 graus e a sensação térmica ia nas alturas, prometi a mim mesma que não reclamaria nenhuma vez do frio. Não sou daquelas pessoas que ficam resmungando as quatro estações - gosto de desfrutar o calor, o frio, e curto demais dias de primavera e outono. Mas é claro que há momentos em que algumas ações são mais "sofridas", em determinada estação, como, por exemplo, aconteceu nos dias de mudança do estúdio lugastal, quando sair de perto do ar condicionado pra encaixotar mercadorias no depósito com telhado de zinco foi simplesmente um suplício. Agora, mais precisamente nessa semana, sair de casa as 7h diariamente, com termômetros marcando 5 graus, também não tem sido das atividades mais gostosas de ser fazer, mas vamos lá... tenho duas adolescentes que me esperam pra chegar no colégio, tenho um filho cão que me espera pra passear, e tenho vocês que esperam as novidades do dia nas redes sociais lugastal - portanto, vamos nos aquecer, e curtir esse friozão do jeito que dá.  Use mão de um bom chimarrão, chocolate quente, lareira, estufa, ar condicionado, touca, cachecol, luvas e, por que não dizer, uma latinha vazia de achocolatado com álcool pra aquecer o banheiro (hehehehehe.... atire a primeira pedra o gaúcho que nunca fez isso nos velhos tempos)! Se mesmo assim estiver com frio, quem sabe é hora de ditar moda - e trabalhar de pantufas. Mas ainda acho que um par de meias de lã resolvem o assunto.

Bem, chega de blablablá - as cores do inverno lugastal são esperadas por muita gente que me acompanha por aqui - os posts são, sem dúvida, um dos mais acessados do ano. Há dois anos, encontrei uma referência ao projeto Tricô Urbano, e sobre isso falei AQUI. Depois conheci o trabalho da gaúcha Leti Mattos, que colore as árvores de todo Brasil com seu projeto 13 pompons; e o mundo afora tem abusado de ideias criativas e similares, da árvore à bicicleta tricotadas ou crochetadas com lãs coloridas.

No primeiro inverno lugastal a árvore do sobrado (antigo) foi revestida com muitas (eu disse MUITAS) voltas de lã (fotos AQUI); no ano seguinte, a árvore ganhou um longo tricô, e também ficou linda (fotos AQUI). Eis que 2014 chegou, o estúdio lugastal mudou de endereço, e aqui temos duas novas árvores, que também mereceram esse cuidado. Então, pra apresentar as CORES NO INVERNO LUGASTAL - ano III a decór foi feita novamente em tricô, e pra arrematar galhos mais finos, fios de crochê e pompons, tipo assim, pra dar um ar de jabuticabeira (palavras de uma pedestre que parou para apreciar).

E, pra celebrar a chegada do inverno lugastal 2014, tem vídeo novo no CANAL LUGASTAL DO YOUTUBE - clique AQUI!

(fotos Danibat)


Ahhhh... um detalhe importante a ser partilhado; defronte o estúdio tem uma parada de ônibus com enorme fluxo diário; logo, as opiniões ficam inerentes ao projeto; nesse ano, dentre tantos sorrisos, elogios e sugestões (inclusive a de colocar pompons "tipo jabuticabas coloridas"), um pedestre reclamou que eu tricoto roupas para as árvores ao invés de dar roupa aos mendigos. É claro que ele não falou pra mim, mandou recado, e recado recebido, respondo aqui, caso ele leia o blog lugastal: tricotei com muita alegria cada ponto dessa decoração, faço com amor, com um gosto que talvez ele não entenda. Participo de campanhas do agasalho na escola das meninas, na supermercado e por onde mais tenha caixa de coletas, ajudo o próximo da minha forma -mas nada, nem ninguém, poderá me tirar o prazer de olhar pela janela e ver a expressão de alegria no rosto de quem passa por aqui. É incrível, e isso me deixa muito feliz!

Inverno, seu lindo, pode chegar!

8 comentários:

Anônimo disse...

Passo por aí todos os dias e a decoração está cada vez mais linda. Adoro as roupas das árvores e a casa tão colorida.

Gostar de deixar tudo enfeitado e mais alegre não significa que a pessoa não vá ajudar os demais. Uma coisa não anula a outra, mas enfim...

Parabéns pelo trabalho!
Ana

Claudia Miranda disse...

Lindo post, parabéns!
Como é engraçado encontrar pessoas que passam longe de entender uma obra de arte, mas graças a Deus a arte nunca vai morrer! Continue com sua arte tão admirada e que Deus abençoe seu lindo trabalho!
Beijos

Julia Susigan disse...

Lúúúú
Não seria 2014??
AMOOO seu trabalho e me inspiro em você :)
Beijos
Julia

disse...

Parabéns por colorir e aquecer a cidade com tantas cores, nesta estação tão cinza, tão ranzinza.
Temos que aceitar a opinião dos outros mesmo que eles não saibam o que há por trás de cada ponto.
Beijos
PS: em Florianópolis também não está sendo fácil sair de casa as 07h.

Silvana disse...

Lu , você sabe exatamente como viver !!
Bjs ... te admiro tanto ...!!

Silvana Alma d'arte

Priscila Sant'Anna disse...

Coisa mais linda, o post, a casa e a foto!
Adorei ;)
Tô louca de vontade de fazer uma oficina..mas ando tão ocupada :(

Beijos
Priscila Sant'Anna

Arte Sana Sonia disse...

essas arvores ficaram lindas!!!!!

Conviteria D'Aline disse...

Que maravilhoso! Pena que tem gente amargurada demais nesse mundo que não enxerga um palmo a sua frente. trabalho inspirador, digno de muita admiração. Bjs