terça-feira, 23 de outubro de 2012

Eu conto as horas pra poder te ver!


Janeiro de 2003. Cheguei em Brasília de mala, cuia e mudança. Tempos difíceis aqueles!!!!! Depois de dois dias inteiros dirigindo literalmente de norte a sul, leste a oeste, com um mapa no colo (que gps que nada...), pra tentar entender a logística da tão falada cidade projetada, era momento de tentar compreender o vocabulário local. Sim, estava no mesmo país, mas tudo era tão diferente! O sotaque, a culinária, os costumes, etc, etc, etc. Mas eu sou brasileira e não desisto nunca, e não demorou pra me sentir em casa naquela terra árida onde a toalha de banho seca em menos de 5 minutos. Dificuldades contornadas, tudo dominado - Brasília arrebatou meu coração.! Foi lá que criei minhas filhas, que, felizes, usavam hawaianas (todo mundo usa!!!!!) nos pezinhos durante o ano todo, e viva o verão! Foi lá que encontrei amigos queridos, daqueles "para sempre", foi lá que segui minha história. 

Mas a vida é inconstante, e foi de lá que me despedi em 2010, com muitas lágrimas que insistentemente me escapavam dos olhos (odeio despedidas, vocês sabem disso!!!!). O cenário mudou completamente, e hoje me sinto "tão bem quanto"na capital gaúcha - pra ser sincera, a felicidade é a gente quem faz! Volto à Brasília, sempre que posso - faço questão de ir à rodoviária comer pastel da Viçosa;  ir na feirinha bisbilhotar os lançamentos tecnológicos (rsrsrsrsr),  no parque da cidade olhar a roda gigante da Nikolândia, almoçar carne de sol na 111sul, curtir os azulejos de Athos Bulcão, o chopp do bar Brasília. Adoro respirar o ar seco, comprar flores na catedral, andar despretenciosamente de carro pela esplanada (AMO!!!!!), tomar cafezinho no setor comercial sul. Nunca mais sentei debaixo dos coqueiros na praça dos 3 poderes, lá é tão lindo - estou me devendo esse programinha bom.

Programas e nostalgias à parte, o que eu gosto mesmo é de rever tantas pessoas queridas que fazem parte da minha vida!  Saber que posso ir e voltar sempre que quiser, porque hoje eu amo morar em Porto Alegre. É isso aí, Brasília, me espera porque neste sábado a equipe lugastal chegará por aí com o Patch Encontro e, é claro, o mate quente pra derreter no auge da seca!




6 comentários:

byRaquel disse...

Bonita mensagem de carinho, que bom ter voce de volta!

Abraços

Nilceli Gonçalves disse...

Que história linda...admiro você, sua determinação, ousadia,e ao mesmo tempo, tão calma,"você mesma"...
Que o evento seja um sucesso.

Bj

Monica Ximenes disse...

Lú amei os desenhos da cadetral, como amatenta da nossa linda cidade do Planalto Central, aguardo anciosa por muitas novidades regionais e quem sabe sugestões para a decoração de Natal. Monica Ximenes

Lorena Gomide e Pedro Vaz disse...

Lu, este post me fez lembrar a música do milton nascimento " Mande notícias do mundo de lá diz quem fica, me dê uma abraço venha me apertar tô chegando. Coisa que gosto é poder partir sem ter planos, melhor ainda é poder voltar quando quero..." E usando a deixa da música, espero que volte por estas terras sempre porque um dia ei de te conhecer. Achei que seria desta vez, mas minha família aumento e estou de bebê novo e não poderei sair de Goiânia para Brasília. Mas no próximo Patch Encontro ai estarei. Bom encontro pra todas vocês!!!! Abraços Lorena Gomide (Anita Boutique) ps.: Continuo a te acompanhar sempre. Bjosss

Viviane Magalhaes disse...

Estamos te esperando aqui na capital! Até sábado!!Bjs
:)

Viviane Magalhaes disse...

Estamos te esperando aqui na capital!
Boa viagem! Bjs!
:)