quarta-feira, 10 de outubro de 2012

A primeira Singer a gente nunca esquece!

Já no domingo, minha semana anunciava que chegaria com ondas de tsunami - muito trabalho e decisões importantes (atividades decorrentes da minha mente puramente inquieta e alguns acontecimentos inerentes aos negócios). Depois de duas feiras consecutivas, é claro que a loja pedia um cuidado extra na organização e decoração, e foi por aí que comecei - no próprio domingo, pra adiantar!

Pois na segunda-feira, naquele exato momento em que dá vontade de bater a porta e sair correndo (quando a bagunça impera sobre à possível e futura ordem), eis que alguém bate à porta:  era meu amigo, o carteiro! Sorridente, sempre, daquelas pessoas que parecem nunca ter problemas na vida, me entregou um pacote grande em papel pardo - sedex, com a exclamação "hoje tem presente!!!". Ri sozinha, adoro presentes (mente quem disser que não gosta!!!!). 

O presente veio de São Paulo, mais precisamente de Indaiatuba, sede do escritório da Singer Brasil; em formato de um livro comemorativo aos 160 anos da marca. O cartão, gentilmente escrito pelo presidente Valter Bezerra, agradecia a participação de quem agrega, acredita, faz e escreve com a Singer novos capítulos de dedicação, amor e conquista. Enchi o coração de alegria, e guardei meu presente para curtir com calma, logo mais à noite.


No sossego (nem tanto) do lar, folheei página por página, curti foto por foto, ilustração por ilustração. Eu ADORO ler as histórias corporativas, acompanhar detalhes de como as empresas nascem/crescem/se consolidam no mercado. Pensei na Singer que tinha na casa da minha mãe, no quarto dos fundos, onde se passava as roupas. Ao lado, sempre ficava a latinha de óleo com rótulo verde e vermelho. Lembrei de um carnaval em Cachoeira, na minha adolescência, num dia em que "finquei o pé" para que minha avó costurasse em tempo quase real uma mini saia verde. Ela bem que relutou, acho (tenho certeza) que não estava a fim de trabalhar no feriado, e no meio da minha insistência, argumentei que ela usasse a Singer da mãe,  que era tri boa! Tadinha da vó, lá se foi pro quartinho e por horas costurou a saia, bem curtinha (exigência primordial da encomenda) e verde limão - e eu dancei a madrugada inteirinha com as pernas compridas de fora e  mini saia novinha em folha! Deliciosas lembranças de um tempo que não volta!

Na verdade, os tempos mudam, os gostos evoluem, e o amor pela costura é atemporal!


Mas o tempo é implacável, e eu, neta de mulheres prendadas, jamais havia pensado em costurar. Vida inconstante essa, não é?!?!?!?! Minha primeira Singer Bella chegou num dia das mães - não sabia nem como tirá-la da caixa, tampouco como fazê-la funcionar! Já havia costurado algumas vezes na Singer da irmã, mas não sabia manuseá-la com precisão - e com escassa paciência assisti a fita de VHS pra entender as instruções (ai... VHS! ok, eu sou antiga!!!) e voilá... mãos à obra! Tempos depois, comprei uma "auxiliar" para minha Bella, dessa vez uma Singer Facilita, e depois uma Singer Quantum - todas as três estão comigo e funcionam muitíssimo bem, obrigada! Como canta o sertanejo Sérgio Reis "não interessa se ela é coroa!!!", umas revisões esporádicas deixam o meu trio em perfeita sintonia!


Hoje trabalho com outras marcas, até para ter o conhecimento e experiência em indicar qual a máquina de costura que se encaixa na demanda das clientes e leitoras lugastal (escrevam sempre, meninas, tenho o maior prazer em auxiliá-las em suas escolhas!). Porém, em casa, lá estão as minhas três meninas, nascidas em 1998, 2001 e 2006, respectivamente.

Bem, meu presente é verdadeiramente lindo, recheado de histórias e momentos bacanas. Ficará na loja, disponível para todas as clientes que quiserem ler e curtir! Puro cuidado e atenção com parceiros e colaboradores. 


Obrigada, Singer, pelo carinho; é uma alegria imensa fazer parte dessa história, e que venham os próximos 160 anos!



p.s: esclarecimento importante: não estou ganhando absolutamente nada para escrever este post!

6 comentários:

Lilian Barbosa Gardim disse...

Eu nem sei se sei dizer o quanto suas palavras me enchem de emoção e lembrança...
Na minha história, algumas coincidências...
Na casa da minha avó também tinha uma singer, daquelas de pedal, num quarto junto à tábua de passar.
Depois na minha casa, a da minha mãe que inicialmente de pedal recebeu depois uma adaptação e passou a ser motorizada!
Nela foram minhas primeiras tentativas... que se transformaram em gosto e que me levou... à MINHA primeira singer, entre 1999 e 2000. Porque filho de peixe... às vezes demora mas também vira peixe...
E essa foi a primeira, que desencadeou uma paixão crescente: por paninhos, por linhas, costuras, patch... também por produtos e ideias Lu Gastal, paixão que contagia!

Márcia Lima disse...

Olá, Lu, tudo bem??? Aproveitando sua disponibilidade e o assunto (ah, adorei sua postagem!) gostaria de sua opinião sobre adquirir uma maquina para ajudar em minhas aplicações de feltro e tecido. Dei uma olhada em algumas máquinas que fazem aquele caseado parecido com o manual, mas ainda não estou convencida em comprar uma máquina para me ajudar... O que acha?? Bjs Márcia Lima

Carol Viégas Artes disse...

Lu, que delícia deve ter sido a sua manhã de segunda!!! Realmente é muuuito gostoso receber presentes e, principalmente, de pessoas que reconhecem o seu trabalho.
Fica com Deus.
Carol Viégas

lugastal disse...

Oi Marcia, tudo bem? Posso te ajudar a escolher sim, me escreva por email? Lilian, essas histórias é que fazem parte da nossa trajetória! beijos meninas, bom dia!

karen Disley disse...

OI LU, QUE HISTÓRIA MARAVILHOSA.QUANDO VC FALOU DA ARRUMÇÃO ME LEMBREI DO MEU QUARTO ONDE FAÇO MINHAS COSTURINHAS....RRR
QUE DELÍCIA GANHAR PRESENTE E TAMBÉM PRESENTEAR, PARABÉNS A SINGER.
BJS!
KÁREN

Eventos - Oficina Magazzino disse...

Olá Lú, te conheci pela Make. Adoro seus trabalhos, tudo lindo e de muito bom gosto. Sou dentista e artesã, meu blog é;oficinamagazzino.blogspot.com
Quero comprar um colar de tesourinha dourado e um de mini máquina de costura doerado,mas estão esgotados. Quando posso comprá-los? Por favor me mande email. Bijs!! obrigada espero anciosa. Maura.