domingo, 14 de agosto de 2011

Juan Valdez - modelo de gestão na colômbia

Juan Valdez é o colombiano mais famoso de lá; mais do que Gabriel Garcia Marquez e Pablo Escobar. O homem de bigode, chapéu e sua fiel mula Conchita, tem a função de promover o café 100% colombiano ao mundo. Tecnicamente, um porta-voz do Juan Valdez Café.  Foi projetado para dar ao consumidor de café uma garantia de qualidade.

Conheci a marca em 2009, quando o marido lá esteve e trouxe pra casa uns pacotes de café em grão, além de xícaras coloridas. Café de gosto robusto, forte, considerado premium no mercado internacional. Mas o que eu não sabia é que Juan Valdez é um personagem, criado em 1959 como uma estratégia de publicidade. Naquele ano a Federação de Cafeicultores da Colômbia iniciou uma campanha para colocar o café colombiando perante o mercado mundial, e criativamente, foi criado o personagem, que representa as centenas de  produtores de café. A campanha foi um sucesso, ganhou vários prêmios e conseguiu instalar em vários países o desejo de consumir o café colombiano.

Em 2002 inaugurou-se a primeira loja Juan Valdez, que vende diretamente ao público. Uma espécie de Starbucks colombiana (que em nada perde para a rede americana, do café aos produtos extras comercializados). Nelas, o café é um produto gourmet: há cafés quentes e frios, com ou sem rum, literalmente para todos os gostos. Pode-se apenas comprar um pacote com  pó de café, ou com café em grãos, doces gostosos,  além de bonés, camisetas, moedores (trouxe um pra minha casa) e uma linha gourmet especialmente criada para os apreciadores da marca.  Hoje há 11 lojas de café Juan Valdez distribuídos pelo país, e no meu passeio em Bogotá, eram sempre destacadas nos mapas e guias como integrantes dos pontos turísticos locais. Washington, Nova Iorque, Seatle e Madrid também têm o privilégio de uma cafeteria da marca.

Os cafeicultores querem este logotipo em suas marcas, mas para obtenção da licença de utilização do logotipo, é necessário atender a rígidos padrões de qualidade. Juan Valdez só pode ser usado em grãos inteiros ou café torrado e moído sem intensificadores de sabor, é por isso que vc não encontrará Juan Valdez em um café com sabor de baunilha, por exemplo. Todas as marcas de café usadas nessa forte marca estão sujeitos à inspeções a cada 3 meses, e a licença pode ser revogada se o produtor não cumprir as normas da Federação de Cafeicultores da Colômbia.


Sua missão: fazer um modelo de negócio que gera uma experiência única e relevante em torno do café premium dos cafeicultores colombianos.


Sua visão: ser uma cadeia de lojas de café da Colômbia, e o maior gerador de valor para o café da marca de identidade prêmio dos cafeicultores colombianos.


Tia Linha ficou louca pra dividir com vcs esse modelo de gestão; no site há mais detalhes dessa bacana e empreendedora trajetória criada pela federação de cafeicultores - e não há como discordar, 
 "a união faz a força" -
na foto -  pesquisa de satisfação e a fotografia com parte dos cafeicultores colombianos.



# momento sou tiete: acompanhei o marido num jantar no palácio do governo colombiano. Nao costumo tietar tampouco pedir uma fotinho amiga,  mas esse é um símbolo de uma das ações empreendedoras mais fortes que conheci; o  3º Juan Valdez da história; desde 2006 o colombiano Carlos Castañeda representa a marca em ações promocionais, campanhas, propagandas e shows de televisão.



7 comentários:

MÁRCIA MARINHO disse...

Histórias assim nos emocionam, impulsionam e nos impressionam. Adorei.

Márcia Lima disse...

Adorei conhecer essa empresa - maravilhosos! E os cafés? Gente, parece tudo maravilhoso! Obrigada por essa " viagem virtual", Lu! Bjs

ana cristina disse...

Eu fui a Colombia este ano ,e fiquei encantada com o café deles ..super gostoso ,forte e encorpado!!!!

bela silveira disse...

Obrigada pela aula, garota... sempre nos presenteando com artigos mais do que interessantes sobre gestão e visão empreendedora!!!
Bjos e uma ótima semana!!!

Ju Almeida disse...

Logo, logo vc verá alguém escrever a história da crafter empreendedora Lugastal... beijos e boa semana. Ju

lugastal disse...

meninas... só descobri essa história depois de conhecer o Juan valdez, nunca imaginei que fosse um personagem. adoro acompanhar viagens das blogueiras, são oportunidades de conhecer um pouquinho de onde nunca fomos, por isso gosto de dividir meu olhar das viagens com vocês! Ju, quem dera!!!!!! beijão, boa semana!

Valéria M. Orosco disse...

Adorei conhecer seu Blog!