quinta-feira, 14 de julho de 2011

inspirar-se é preciso!

 Já contei "n" vezes que lugastal é uma loja  pequeninha; várias pessoas se referem a ela como lojinha  e confesso que isso  por horas me incomoda (traduzindo, uma crise de infantilidade aos 40!!!!). Acontece que a lugastal  é o meu negocio,  o local onde passo a maior parte do meu dia, e considero o "lojinha" um termo digamos assim, pejorativo, sei lá... não brinco de trabalhar tampouco de ser comerciante, e essa idéia está totalmente distante das minhas intenções. Trabalho minha marca com afinco, amor e emoção, e embora o espaço físico tenha apenas 70 m², divididos em dois pavimentos, ele me é realmente muito especial, e acho que torna também especial o dia de muitas pessoas que por lá passam, e de outras que sequer conhecem fisicamente, mas dividem o dia-a-dia aqui no blog.

Ainda nao tive a oportunidade de bater pernas pela Europa, mas imagino que haja por lá muitos lugares extremamentes charmosos em espaços reduzidos, pelo menos é o que vejo em minhas viagens por livros revistas e blogs. E mesmo por aqui, no Brasil, e noutros países que já conheci, há muitos, muitos lugares mini e extremamente charmosos.

Mas voltando  à lugastal; para deixá-la aconchegante, sempre procuro me inspirar em algum tema; uma época,  um sentimento, um olhar. Mensalmente troco a vitrine, e geralmente ao mudá-la já estou organizando o que será feito na próxima. Em meados de junho, quando arrumei a vitrine com os cartazes e frases em tema que remetia ao amor ao que se faz, comecei a pensar qual seria a próxima idéia. Junho foi um mês de várias viagens; fui a serra gaúcha, ao sul do estado e a São Paulo (viagens são sempre um momento para inspiração, por mais simples e corriqueiro que seja o local, é uma excelente  de renovar as ideias). E numa dessas últimas andanças, descobri num cantinho de uma loja vários vidros coloridos. Naquele momento, linkei as cores dos vidros à alguns tecidos que guardava para um momento especial,  e trouxe na bagagem duas unidades de cada cor. Numa tarde de feriado, aproveitei a family em viagem para fazer um "trabalho extra". Na véspera, separei  "a dedo" umas quinze estampas e cortei muitos blocos de 0,15 X 0,15. Naquela tarde, em silêncio, comecei a uní-los, com minhas idéias, buscas e  reflexões. Esticava a costura em andamento no chão do ateliê enquanto  simulava os próximos arranjos de cores. No dias seguintes, aproveitei os inícios das manhãs para finalizar a peça (são os MEUS momentos, perfeitos  para uma auto terapia, e me fazem um bem danado); depois a Maíra costurou o forro, e a nova vitrine estava pronta; uma cortina que poderá fazer às vezes de colcha, com cores quentes e vibrantes, afinal, inverno pede calor e vibrações sao sempre bem vindas por aqui!



Julho chegou, e junto com ele a hora de montar a vitrine; fiz mini arranjos de flores mosquitinhos, que casaram com delicadeza ao colorido dos vidros e à muitos rolos de fitinhas em cetim, que trouxe da minha visita à fábrica de fitas Progresso, no interior de SP.  Pra mim, nada mais era preciso, a alegria daquele cantinho já me deixou feliz.  Um abajour de patchwork em tecido cru, feito pela prof. e conterrânea cachoeirense Ana Débora, deu um toque delicado à entrada da  loja.


 


 Agora vivo o  momento de montar o espaço para o Encontro Gaúcho de Patchwork, que acontecerá aqui em Porto alegre na próxima semana. e minhas atenções estão dividas entre a loja e esse projeto. Mas saibam vcs... a próxima vitrine também já estaáno forno (quentinha e divertida)! Se o tempo não pára, por que meus pensamentos arianamente ansiosos teriam de parar? 

35 comentários:

lu pietra disse...

amei o post...amo tudo o que voce faz...e acho a sua loja....um charme...tudo de bom....

namaste.

Rosana Sperotto disse...

Oi, querida! Mesmo sem comentar, tô sempre por aqui, já é vício visitar o blog a cada nova postagem. Conheço bem a cabeça a milhão dos arianos pelo filho que aniversaria junto contigo, e fico aqui pensando que deves escrever com essa mesma agilidade. Como boa taurina, um passinho de cada vez, não imaginas o tempo que levo para cada post (semanal, às vezes quinzenal...rs)A vitrine tá linda, como é tudo aqui sempre. Beijão!

Juliane disse...

Tudo lindo como sempre!
Beijos!

Carlinha disse...

Inspiradora sua cortina-manta!
Inspiradora sua vitrine!

Fabiana disse...

AMEI a vitrine.
Um beijo!

Luciana Molle Lima disse...

Lúuu...
ficou linda a vitrine.
AMEI.
Bom final de semana.
BEZU>>>

Pricila Barretos Blum disse...

inOlá Lu,tudo bem?
Acompanho seu blog e ouço das amigas-blogueiras em comum o quanto vc é querida e especial.
Para minha surpresa,dia desses vi que vc está seguindo meu blog e fiquei MUITO orgulhosa ! Obrigada!
Fazer o que se gosta e ter quem goste do que gostamos é muito bom e gratificante.
Entendo o que quis dizer com "lojinha" e posso imaginar o tamanho do seu orgulho com o seu negócio, o seu ofício .
Parabéns e obrigada!
Um grande beijo,

Atelie Arte na Praia disse...

Olá Lú, gostaria de dizer que, tamanho de loja ou lojinha, não quer dizer nada, quando dentro de nós a criatividade é infinita. Eu posso mandar minha cabeça parar de criar, mas não adianta porque a criatividade vem de dentro, vem do coração. E pelo tamanho, e beleza da sua critividade, imagino que seu coração seja enorme.
Abraços, Salete.

Bianca Lanu disse...

Lojinha?
Lojão de bom gosto!
Adoro o blog, as postagens!
E, torço p/ ter um dindin extra p/ fazer parte do Clube do Pano um dia, álias, onde encontro esses tecidos de fita métrica?
Bjo, Bianca Lanu.

Patrícia Feitosa disse...

Oi Lu,
Conhecer seu blog, seus trabalhos e tudo de bom que contem nele foi para mim um estímulo para continuar a trabalhar com arte e com o que amamos. Não ligue para os rótulos que as pessoas colocam. Tudo o que você faz, as suas iniciativas para melhorar, nos inspiram e mostra o quanto você é profissional e faz tudo com amor. Adorei as fotos da sua vitrine, ficou bem aconchegante. Pena que por enquanto não posso conhecer sua loja, mas quem sabe um dia. Que Deus te abençoe e que continue fazendo lindos trabalhos e postando coisas legais como faz. Beijos, Patty.

Edna Moraes disse...

Bom dia Lú, agradeço à Deus todos os dias por ter a oportunidade de diariamente "visitar" pessoas como você, essa sua inspiração, esse seu bom gosto, só fazem melhorar o meu dia (que aliás têm sido muito difíceis...família, rsrsr) e esse momento da visita ficou ainda mais bacana depois de ter tido a enorme felicidade de te conhecer na Mega/2011, eu estive no stand da Make Love e pude enfim te dar um abraço de verdade e receber de vc esse imenso carinho que vc nos dedica.Hoje faço planos, se Deus quizer num futuro bem próximo, vou programar um passeio a Porto Alegre, porque esse espaço que vc nos oferece, deve ser a coisa mais linda desse e do outro mundo.Até meu marido ficou empolgado para conhecer o espaço que vc criou p/ eles na mesinha da calçada (lembra, vc nos disse isso lá na Mega).Mais uma vêz muito obrigada por me ajudar a fazer meu dia melhor.
Um beijo enorme, fica com Deus.
Edna Moraes

Márcia Lima Palamim disse...

Querida Lu!
Assim como faço quando folheio minhas revistas preferidas, vou começar de trás para frente...
Amei sua vitrine nova. Tudo, tudinho me agradou demais. Todos os detalhes sem excessão me encheram os olhos e tenho certeza que ela cumprirá seu papel para esse mês: fazer as pessoas pararem um pouquinho o olhar sobre ela e morrerem de curiosidade e vontade de entrar nesse espaço para ver tudo o mais que pode haver lá dentro. A luz do abajour ficou acolhedora e deu a sensação de que lá dentro tem muito calor, calor humano!!! Amei!
Suas ideias me inspiraram muito para montar a minha próxima vitrine aqui na loja. Lembra-se de mim??? Aquela de Bragança Paulista, que trabalha no armarinho da família???? então, estamos na reta final da vitrine de lãs, fios e trabalhos em tricô e vamos para a fase do que chamo "artesanatos de primavera", onde normalmente exploro os bordados, os trabalhos com tecidos e flores. Enfim, amei o seu painel multicolorido!
Agora indo para o começo, digo que só quem está atrás do balcão é que tem a verdadeira noção do que é gerir um negócio. Eu ainda acho que os negócios de pequeno porte, ou as EPP ou ME, são até mais trabalhosas pois sua administração geralmente está concentrada em menos pessoas, ou até em apenas uma pessoa. Essa "pessoa"(ou seria melhor chamá-la de heroína????) deve se multiplicar em vários papéis, responsabilizando-se por áreas diversas como compras, vendas, financeiro, contábil, recursos humanos, criação, marketing, etc, etc,... Por isso, quando alguém chega com esses diminutivos depreciativos, lembrem-se: elas não sabem do que falam. Não se apegue a esses comentários não! Tenho certeza que tem um montão (um montão mesmo!!!) de gente que sabe dar o devido valor ao seu trabalho, pois temos sensibilidade para perceber o seu afinco em tudo o que passa por suas mãos. Quem tem olhos para apreciar, meu bem, uma vitrine tão linda como a sua, sabe que tem muito trabalho de qualidade aí. Então, querida, é para nós, suas fãs de carteirinha que você deve se voltar e sempre se empenhar em nos deslumbrar cada vez mais.
Beijos e um ótimo dia pra você.

Márcia

lugastal disse...

gente... quantos comentários bacanas e calorosos! inclusive aproveito pra dizer agora, escreverei um post sobre os comentários, eles merecem destaque!
saibam que, da mesma forma como o que escrevo entra no lar de vcs, os coments também entram no meu dia-a-dia. beijão, bom final de semana prá todos!

Leila Coelho disse...

Lu, apesar de quase não comentar, sempre (todos os dias) entro no seu blog pq gosto de td q vc escreve e de todas as suas artes. A vitrine ficou linda, simples de bom gosto atraente e muito aconchegante. É uma pena que moro tão longe pra poder t visitar pesoalmente e aproveitar essa boa vibração q vc tem. Bjs e muito mais sucesso.
Leila Coelho

bela silveira disse...

Lu querida, sei exatamente o que sentes...quando tinha minha Primeiros Passos, era uma das coisa que me incomodava tbém, todo empenho em ter a maior dedicação, melhor atendimento, o melhor produto, a vitrine mais produzida e algumas pessoas se referiam à loja dessa forma... me apagava aos comentários positivos e fazia isto valer.
Quem conhece esse teu espaço maravilhoso, sabe muito bem que trasborda de boas energias, inspirações, de carinho e principalmente de comprometimento em dar o melhor a quem faz parte desse mundo craft. O cartão postal está aí...a vitrine está linda, o bom gosto está em cada detalhe...essa beleza toda, é um convite para entrar e apreciar aos encantos da LOJA Lu Gastal
Um bjo no coração!!!

Quésia disse...

Lu, encontrei seu site no ano passado porque uma amiga em BSB havia visto seu trabalho no Casa Park. Confesso que fiquei um tempão vendo tuas imagens e lendo por cima, quando pra minha surpresa descubro que vc é gaúcha e que havia morado em BSB. Seu trabalho me conquistou pela originalidade e sua loja é linda. Tb sou gaúcha, mas hoje moro em SP...um dia desses conheço sua loja. Quando vejo suas fotos, elas me remetem ao aconhchego e à sentimentos familiares. beijão

Heloiza disse...

Oi Lu, entro todos os dias em teu blog e aguardo ansiosamente para ler a nova postagem. Quando entro e não encontro nada novo é uma frustração. Adoro tudo o que escreves e teus trabalhos. Tua loja, por incivel que pareça só conheço pelo blog, pois apesar de morar em Porto Alegre,ainda não fui ai. Também sou ariana e te entendo...hahahahha!!!!....
Desejo too o sucesso do mundo pra ti e tu, teus trabalhos e tua loja são inspiração pra mim que também sou artesã.
Beijos

Caroline Krieger disse...

Lu querida, eu conheço sua loja pessoalmente, na ocasião vc não estava e a Gigi, muito simpática me recebeu. Posso dizer que fiquei admirada, como pode ser pequena e tão mimosa...tudo lindo, a energia boa e acho que isso que as pessoas realmente procuram. Fazer aula ou mesmo só visitar um lugar que te acolhe e olha que o meu ramo é scrapbook e eu nem sei enfiar linha em agulha! Mas to doida pra ir aí novamente, só esperando o tempo melhorar por aí! E os seus post realmente animam a gente, fazem refletir. Por isso acho que vc, sua loja e sua equipe são especiais.
Bjs

Dr.GustavoKaempf disse...

Luzinha, aquí é o Gus...lembra???...teu primo preferido...hehehe.
Bom:
Que eu tenho uma prima linda, não tenho dúvida!!! Meus olhos azuis são ótimos nesse sentido.
Que eu tenho uma prima estrovertida e encantadora também não tenho dúvida pois é só chegar ao teu lado que tu exalas isso.
Agora, ter uma prima escritora é demais para mim.
Adoro ler o que tu escreves apesar de manter-me anônimo até hoje.

Cada vez mais sinto orgulho de minha família. Beijos enormes do Gus, Aline e Lulú.

Rosangela disse...

Lu enquanto lia seu post observei o quanto somos parecidas eu tambem vivo os meus projetos intensamnte sejam eles pequenos ou grandes vivo intensamnte colho informações pesquiso cores texturas e ai finalmnte o produto final me deixa super feliz o que importa é o amor com que se faz cada coisa, amo esse seu cantinho tão inspirador
[ lojinha LU GASTAL jamais ..prefiro chamar de Fabrica de sonhos .

elenara disse...

LU tua vitrine ta linda !!!!! Como tudo que tuas abençoadas mãos fazem .... acredita,tens muita luz no teu olhar (atrás destes charmosos óculos vermelhos ). Beijão e até amanhã....corujas à vista !!!!!!!! Ia esquecendo...o Martin tb já fala na LUGASTAL e conhece tua LOJA !

Vy disse...

Oi Lu! Obrigada por responder meu mail, fiquei feliz! E já estou arregaçando as manguinhas pra ir a luta. Não tenho medo de luta, não, acho que nem mesmo um pequeno receio, é como as vitrines que se elaboram, sempre modificando, sempre querendo dizer algo novo e diferente. Acho que "lojinha" talvez seja um comentário pra quem nunca cortou tantos retalhinhos pra fazer uma colcha ou cortina. Só quem faz, sabe o que significa cada um deles, tem um pouco de alma, um pouco de ternura, um tantão de abraço e um mundo de amor! Bom fim de semana! Vy

Luciane Hernandes disse...

muito legal saber de suas idéias e criações. Tão bacana sua loja sonho!

Caty Lopez disse...

Veja só como as pessoas como pensam diferente... =)
Eu já acho que "lojinha" é uma forma bem carinhosa de tratamento. Pelo menos aqui no Nordeste, onde moro, as pessoas usam bastante as palavras no diminutivo para demonstrar carinho e sentimentos especiais. Por conta disso, adoro qdo se referem à minha loja como "lojinha" e não me sinto em nada diminuída no meu trabalho ou no meu talento.

No demais, a loja da Lu Gastal é linda mesmo e todos tem razão em tecerem tantos elogios. =)

carla disse...

ficou tudo lindo... como sempre!!!! ah, como tenho vontade de conhecer tudo isso pessoalmente!!!! quem sabe um dia... um gde abraço... cheio de boas energias!!!

Sílvia Rosa disse...

Adorei o post... vou te conhecer na Feira semana que vem. Não faço patch, mas sou apaixonada... quem sabe um dia? e o sonho de ter minha "lojinha" mora no fundo do meu coração, quem sabe um dia? o que nos move são os sonhos e projetos que temos... beijinhos e sucesso sempre!

Cláucia disse...

Adoro tudo em sua loja! Tens muito bom gosto! beijos

Eliana disse...

Olá,
Passo sempre por aqui e digo a você:quem dera tudo neste país fosse feito assim,projetado,pensado,feito com talento e carinho,"pequeno"?Não,nas dimensões certas,possível de ser realizado.Parabéns pelo trabalho e profissionalismo e continue,sempre,
bjs,
Eliana

Ju Padilha disse...

Lu querida,
acho que provavelmente sou uma que já se refeiriu à Lu Gatal, por "lojinha"... mas sem nenhuma intenção de diminuir o que é este espaço, na verdade o diminutivo é uma forma muito carinhosa de se referir aquilo que se tem carinho... se já bem percebeu me refiro ao meu espaço de trabalho por "ateliêzinho", de fato ele é bem pequeno, mas seus 9m2 que abrigam minhas ideias o fazem dele grandioso que só, mas ainda sim é meu ateliêzinho! viajndo pela Europa vi muitas lojinhas, lindinhas, charmosinhas, cheias de ideias fantásticas e que dão muito mais prazer em entrar, conversar com o dono, a maior parte das vezes a pessoas responsábel pelas criações, que nestas lojas de marca, com vitrines feitas por arquitetos e decoradores e com atendentes enjoados, que nos fazem sentir mal!!!
amei esta sua vitrine, ainda mais depois de saber todo o amor e dedicação que foi colocada em sua confecção!!!!
então querida amiga, grite comigo vai: viva as "lojinhas" que nos fazem felizes!!!
beijinhos!

Denise disse...

Oi, Lu!
Ainda não conheço a tua loja pessoalmente, mas espero conhecer um pouco desse carinho e talento no 6ºEGPB. E queria te contar uma coisa que lembrei quando li teu post.
Tu conheces a "mundo do artesanato" (loja no centro)? Eu conheci a loja há anos atrás, o chão era de assoalho, as paredes eram azuis e a loja tinha, talvez, metade do tamanho, pois ocupava uma loja e não duas, como agora e não tinha o segundo piso. Eu AMAVA ir lá! Era aconchegante, tudo era voltado só pro patch... agora é uma loja sem personalidade, vende de tudo um pouco, ficou sem graça... Eu sinto saudades daquela "lojinha" que conheci...
Bjs e até o 6ºEGPB!!!
Denise

lugastal disse...

caramba... foram tantos comentários tão queridos em relação à lojinha, que juro prá vcs... até já curti a denominação!
vamos combinar assim, cada um chama minha "craft store" como quiser! beijão e boa semana !

Ily disse...

Lu, o termo "lojinha" deve ser considerado carinhoso.
Não consigo ver de outra forma, pois com toda a tua dedicação e amor aos mínimos detalhes é impossível não notar o LOJÃO que tem naqueles 70m2.
BOA SEMANA!

Maria Bia disse...

Oi Lu,

É a Maria Bia de Valinhos. É um pouco triste quando as pessoas fazem referências que soam negativas. Vivi isso em minha loja, que era pequenina, mas muito charmosa, numa casinha que parecia de boneca. Sempre achei que essas pessoas queriam estar no lugar que nós estamos e conseguir o que conseguimos. E sim. Na Europa há muitas "lojinhas" charmosíssimas, bem pequenas. Posso te dizer que a maioria não tem o charme e o cuidado, e o capricho da sua.

Até mais

Lilian Fernandes disse...

Oi, Lu!
Adorei o post, acho o seu atelie super charmoso, isso pq só vejo ele pelo blog e assim que puder, adoraria conhecê-lo pessoalmente! Adorei a vitrine nova, a cortina ficou linda, parabéns!
Beijos

Andréa Comin Pecine disse...

Olá que criatividade mil...
Amei sua vitrine, e amo suas ideias.
Eu estava de férias e hoje quando voltei vim ver meus e-mail e lógico visitar LuGastal infelizmente virtualmente, mas por enquanto, pois quero muito ir pessoalmente.
Amo muito tudo isto.
Uma linda e abençoada semana para você
Bjs Andréa Pecine