quinta-feira, 15 de abril de 2010

de Sinimbú a São Paulo!


Sumi! Depois de quase uma semana desaparecida, aqui estou!
No fim-de-semana, uma "fugidinha" prá visitar minha vó Norminha, que tá precisando de carinho, no hospital.
Sempre digo que "casa de vó" tem cheiros únicos, barulhos e lembranças espalhados por todos os lados. Hoje em dia não tem mais aquele cheirinho de cuca saindo do forno, a água do mate aquecendo no fogão a lenha, o barulhinho das portas de madeira, além de outras particularidades que eram inerentes àquele lugarzinho tão bom. A lembrança vem com tudo, das brincadeiras e "artes" que fazíamos na infância, os namoricos na sala de tv, e da tia solteira que passava com a lanterna à noite, pelos quartos, prá ver se toda turma de netos estava devidamente acomodada no lugar certo (e prá controlar se estávamos todos na segurança do lar). Anos depois, já eram minhas filhas que corriam naquele pátio... e o cenário foi, aos poucos, mudando (mas até hoje adoro subir no sótão e sentir o cheirinho do passado, naquela tranqueira sem fim cheia de poeira e histórias!)

Bem, chega de nostalgia! O solzinho continua gostoso na área da casa da Norminha... e mesmo com a solidão que o tempo trouxe àquele lugar tão aconchegante, sempre é bom estar perto, parar um pouco e "ouvir" o passado. Mas o melhor é estar de volta aos pampas nesse momento, e a tranquilidade de estar a duas horas de distância da família é a melhor parte desse retorno.


Voltando da pacata e fofa Sinimbú, na colônia alemã... além das calorias que adquiri comendo cuca no fim de tarde, e bife com batata frita no clube, foi hora de voar para a cidade mais movimentada dessas bandas! Rumei a São Paulo na segunda-feira bem cedinho, prá ver as novidades da feira de patchwork que acontece essa semana no centro de eventos do colégio São Luiz. Momento de ver coisas bonitas, novidades, tecidos lindos, encontrar amigas.
Foi tudo muito bacana... mas como sempre digo: "a melhor parte da viagem é o retorno"!

Amanhã conto tudinho, com detalhes. Mas deixo a dica prás crafters que estiverem por perto: vale a pena prestigiar! O evento tá bacana e cheio de novidades a serem garimpadas!

6 comentários:

Vanessa Maurer disse...

Que coisa boa poder estar junto com a vovó... eu sempre digo que avós são a coisa mais maravilhosa já criada neste mundo! SP... ai que saudades... sempre muito beijos

Laura disse...

Noooossa, voltei no tempo e me deparei com a casa de minha avó também, quando ela assava milho no fogão a lenha, quando deixava a gente brincar de escolinha, escrevendo nas paredes de seu fogão, sempre encerrado e brilhando. Ah, a sopa de fubá que ela fazia a noite era maravilhosa. Nunca mais sentirei esse sabor. Bjs.

Laura disse...

Gente, e esse piso!!!!!! Que coisa mais linda!

Clau Atelier disse...

Casa de vó é tudo de bom!!!!!
Foi bom te ver e bater um papinho.
Bjs

mArCeLe disse...

Que passeio bom, Lú! Essas pequenas GRANDES nostalgias fazem um bem danado pra gente...
Já estou curiosa pra saber das novidades da feira. Tava louca pra ir, mas não tive a menor chance... Conta tudoo!
Bjokas!

Gabi Mazza disse...

Siamesa querida,

Te espero sábado!!! já tõ sabendo que aterrisas em Satolep. Que delícia!!! niver do enrico e muito papo colocado em dia...

bjkas e até lá,
Gabi