quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Afinal: existe ou não existe?


Sexta-feira, num momento raro e gostoso, caminhava com Laurinha no shopping, no meio daquela muvuca pré natalina, e olhávamos vitrines.
No ano passado ela questionou "afinal, mamãe, Papai Noel existe ou não existe?"... respondi que existe para quem acredita. E nunca mais se falou no assunto.
Naquela dúvida se minha menina quase mocinha ainda acredita que Noel existe, perguntei a ela: "aí, filha, já escreveu sua cartinha pro Papai Noel?".
Esperando uma xingada ou resposta do tipo "ai que mico, mãe...", ela prontamente respondeu:
"não ainda, mas amanhã escreverei"

Logo, existe para quem acredita...