domingo, 20 de julho de 2014

Salve o 20 de julho!



Adoro o 20 de julho! Lembro desde a época da adolescência, quando a data era lembrada sempre num dia gelado das férias de inverno. O tempo passou, alguns amigos vieram, outros se foram. É engraçado, mas a vida com suas mudanças malucas muitas vezes afastam ou aproximam as pessoas, independente das distâncias. Muitas pessoas culpam a distância pelo fato de perder seus queridos pelo caminho, mas não é verdade... só perdemos quem queremos, da mesma forma como conquistamos quem queremos; é uma questão de dedicação mútua. Ok, hoje as redes sociais ajudam muito o reencontro de pessoas que perdemos pelo caminho, mas cabe apenas a elas a opção de escolher ou não restaurar uma amizade antiga.

Vivo as amizades à moda antiga;  meus amigos me são muito especiais, e como qq relacionamento tem seus problemas, sigo a ideia de que pequenos desajustes devem ser discutidos olho no olho. Nada melhor do que alguém que entende o teu silêncio, sem encher o saco pra questionar qual o motivo, ou quando liga só prá dar um oi e saber notícias; assim, sem  interesse, apenas baseado no princípio mais salutar de uma verdadeira amizade: a reciprocidade. Pra mim um relacionamento é como um contrato, tem de ser vantajoso e valioso para ambas as partes - não há nenhuma assinatura expressa, nem rubrica nas primeiras páginas, mas as cláusulas de confiança estão lá, em letras de tamanho legível para o entendimento de cada um, e em caso de qq deslize, não há necessidade de se eleger um "foro para dirimir quaisquer divergências provenientes desta convenção", uma boa e sincera conversa resolve qualquer pendência (se for acompanhada de um chopp com batatinha frita, melhor ainda)!. Simples assim, quase que uma "manutenção diária pós conquista".

É à gente que cabe a eleição dos nossos amigos; os "verdadeiros", os "mais ou menos", os "do peito" (na alegria e na tristeza), os de "comer pizza e tomar chopp", os "da faculdade", "do colégio", os “do facebook” e por aí pode ir uma interminável lista. Muitas vezes são totalmente diferentes, de tribos e estilos distintos, mas nem por isso deixam de ocupar um espaço especial no nosso coração. Divergências de estilo, política, de futebol, musical, etc etc etc; não importa, o que vale é a fidelidade!!


(post para blog Elo7 - 20 de julho - dia do amigo)

quinta-feira, 17 de julho de 2014

e por falar em bonecas...

Pessoas queridas do meu coração: quando recebi  o convite da equipe EduK para ministrar aulas de bonecas estilo Tilda, confesso a vcs que relutei em aceitar. Sinceramente... achei que 9 aulas ao vivo seria muita coisa; o que eu teria tanto a ensinar?
Essas bonecas chegaram sem avisar em minha vida. Mais precisamente, um pacote pelos correios, em que minha amiga Ana de Campinas anexou um bilhetinho "Lu, esse livro tem a sua cara!". Era meados de 2006, e eu nunca tinha sequer ouvido falar em Tildas. Guardei o presente pra curtir à noite, e quando saí do trabalho e em casa cheguei, deliciei meus olhos com as páginas traduzidas em produções encantadoras desse mundo encantado e, até então, desconhecido. Outros livros chegaram, minha vida profissional deu uma virada e a advocacia deu lugar à vida empreendedora, e sem muito planejar me vi a frente de um evento onde, basicamente, costuramos bonecas - o Patch Encontro lugastal! O projeto começou em 2012, já viajou muitas cidades brasileiras, entre capitais e interior, e nesse ano completou 2 felizes anos de estrada (tem vídeo que sempre me emociona no canal lugastal do youtube - pra assistir, clique AQUI). Entre tantos quilômetros percorridos e mais de 2000 alunas nessa trajetória, eis que chegou o grande momento, e isso foi o que realmente me fez aceitar o convite para dar aulas de bonecas no portal EduK - a oportunidade de chegar aonde o Patch Encontro lugastal não consegue chegar!
Recebo tantos e tantos emails de pessoas convidando para ir até suas cidades, mas a vontade de ir é proporcionalmente inversa da real possibilidade. Agora sim, tenho a oportunidade de chegar até a casa de cada um de vocês, e levar tudo o que sei, aprendi e desenvolvi a respeito dessas bonecas lindas! São técnicas, dicas e modelagens que foram nascendo nessa arte de fazer bonecas, e  hoje tenho o verdadeiro prazer em dividir com vocês!

E POR FALAR EM BONECAS... estou longe de casa, das minhas filhas, do meu dia-a-dia; mas estou MUITO FELIZ! Receber o carinho, as mensagens e toda essa energia que tem chego nesses últimos 2 dias me fazem ter a certeza: vale a pena partilhar o que se sabe, vale a pena trabalhar com o que se ama!

Abaixo há várias fotos de bonecas; muitas bonecas produzidas por nossas alunas do Patch Encontro lugastal. Há muitas outras fotos, há muitos outros momentos, e se vc visitar o blog, nos marcadores "Patch Encontro" poderá ler e conhecer um pouco mais dessa história. Logo logo poderei ilustrar um post inteiro com fotos de bonecas produzidas por alunas do país inteiro, que nos assistem nessa semana de curso da EduK. Posso dizer??? VOCÊS SÃO MUITO ESPECIAIS!

  (edição Curitiba 2013)

(edição Macaé- RJ 2012)

 (edição Gramado 2013)

 (edição Porto Alegre 2014)

  (campanha institucional do Patch Encontro lugastal)

 (edição Porto Alegre 2013)

(edição Rio de Janeiro 2012)

Nesta sexta-feira é nosso último encontro ao vivo; estaremos no ar (portal eduK.com.br) a partir das 14h, com reprise das 3 aulas logo mais, a partir das 19h. Quem quiser aprender mais, receber os moldes e outras atividades que a EduK produz, pode adquirir o pacote de cursos, e ainda concorrer a prêmios muito bacanas oferecidos por nossos parceiros Singer e Fernando Maluhy, além de duas bonecas produzidas pelo Estúdio lugastal.

Pra quem quiser produzir o evento lugastal em sua cidade, escreva para assessoria@lugastal.com.br, e solicite informações!

E aqui seguem nossos contatos:
- blog lugastal (www.lugastal.com.br)
- instagram #lugastal
- facebook.com/lugastal
- loja virtual: loja.lugastal.com.br
- canal lugastal no youtube - clique aqui
- cursos EduK 

Super beijo, e boas costuras!

terça-feira, 15 de julho de 2014

colcha de retalhos

 
(foto Danibat , com a pequena Anita auxiliando a mostrar a futura colcha)


Quando lancei a campanha COSTURE O BEM era impossível mensurar quantas pessoas participariam, ou, "costuristicamente falando": quantos blocos coloridos e diferentes seriam doados. Pouco a pouco os blocos em patchwork foram chegando -  uns entregues pessoalmente no estúdio lugastal, outros vindo pelos correios dos quatro cantos do país. Cada um com um sorriso, um bilhete, uma história - pura emoção!!!!

A verdade é: muito mais do que produtos e criações que têm  nascido nos ateliês espalhados por todo Brasil, o patchwork nos une de maneira muito especial! Como no filme "Colcha de Retalhos" (lindo, por sinal... super recomendo), mais do que o abraço à causa, há nessa peça uma mistura de sentimentos. 

A colcha ainda não está pronta, nessa foto ela já aparece com a maior parte montada, ainda faltam as barras laterais, forro, quilt e acabamentos. Mas tenham a certeza: assim que ela for finalizada, mostrarei pra vcs - afinal, essa peça é feita com muitas mãos e corações!

Buscamos uma melhor forma para arrecadar fundos através da venda/leilão ou rifa da colcha; tudo deve ser muito transparente, pra não deixar nenhuma dúvida em relação ao destino do recursos que arrecadaremos com nossa campanha (sim, a COSTURE O BEM é uma campanha de todas as pessoas que participam!). No grupo do facebook já discutimos que, melhor do que um leilão, seria uma rifa - assim mais pessoas poderão participar; por isso a escolha de qual será a melhor forma de realizar essa ação.

Faremos dessa campanha maravilhosa uma ação DO BEM, e assim que tudo estiver devidamente acertado, vocês serão informadas. 

Super beijo!!!!!

domingo, 6 de julho de 2014

Como é grande o meu amor por vcs - parte II


Nossa campanha COSTURE O BEM segue a todo vapor. A primeira colcha está LINDA (ainda em construção) e logo traremos novidades no grupo do facebook (para ingressar, procure COSTURE O BEM no face. ) E como é por lá que têm sido postadas fotos de quem aderiu à campanha, não me canso de dizer dizer "como é grande o meu amor por vocês"! (agradecer é gostoso e acalenta o coração!). Aqui têm fotos da Martha Guedes, Eliete Oliveira, Adriana Gil, Raquel Souza, Cristina Scarfon, Silvana Luchese, Regina Stein, Daniela Schneider, Marta Rodrigues, Daniela Stefani, Rosana Speroto, Solange Cardoso, Jane Santos, Carmen Muratore, Hilda Souza, Graziela Schuh, Hermela Toledo, Iolanda Reys, e da "tia Ana", que com 82 aninhos aceitou o convite da Jane Santos... e aqui tem o AMOR de muita gente bacana que abraçou essa idéia (nessa primeira etapa somos mais de 100 participantes - cada uma depositando na campanha um pouquinho do seu amor em forma de patchwork)!

O período de recebimento dos blocos foi muito emocionante - pessoas entregando pessoalmente, envelopes e caixinhas viajantes chegando dos mais diversos lugares do país - uma verdadeira corrente do bem! Mas não posso deixar de dividir com vcs a história da Débora Silva, uma das participantes. No dia do bazar no estúdio lugastal, recebi com surpresa o convite pra descer ao estacionamento, pois lá estava uma participante da campanha com restrições de locomoção. Chegando lá encontrei a Débora, avisando que não poderia descer do carro, mas que com todas as dificuldades que a vida impôs, não deixou de se motivar a participar! Confesso a vcs, foram minutos de pura emoção! Antes de ir embora, a Débora pediu uma foto, e tive o privilégio de ajudá-la a sair do carro para, juntas, registrarmos o encontro e a participação na campanha!  E algumas horas depois, já no lar, convidei-a para dividir conosco sua história, transcrita abaixo!

Obrigada Débora; e obrigada a todas as pessoas queridas que participam da campanha COSTURE O BEM - vcs moram no meu coração!


"Dia 21 de junho de 2014... foi sábado, início do inverno... daqueles dias que demora pro sol se fazer presente, mas quando dá o ar da sua graça... faz um dia lindo, e que fez esse dia mais especial na minha vida. 
Como vocês não me conhecem, vão achar que sou daquelas pessoas que acha tudo lindo e maravilhoso, e de certa forma, vão estar certos. Gosto do copo meio cheio. Mas em alguns dias de copo meio vazio, fiquei sem saber o que fazer em casa, pois havia me afastado do meu trabalho por conta de algumas complicações no meu diagnóstico de Miopatia Congênita, um tipo de distrofia muscular.
Fiquei por 4 anos procurando o que poderia fazer, dentro das minhas condições físicas, que me desse prazer e é lógico uma renda extra pra custear o tratamento necessário pra que o quadro físico não regredisse. Aos poucos fui descobrindo, entre 2009 e 2010... graças a internet e ao Bum!!! dos blogs, Flickrs, Youtube com os PAP (passo a passos). Um mundo todo novo se abriu pra mim... Minha mãe teve/tem máquina de costura desde que me conheço por gente, mas nunca deixou mexer (vou confessar só pra vcs... cheguei a mexer escondida, só pra ver como era... e deixei quieto). A mãe usava a máquina para reformas de roupas e criação de algumas ideias das amigas e vizinhas, mas não levava a sério, como levava seu papel de dona de casa e super mãe!
Então... voltando ao assunto, como ficava complicado frequentar os cursos de patchwork, pela locomoção, e $$... me joguei nos PAP, e as amigas, familiares começaram incentivar. Comecei fazendo de presente, e assim começou a melhor propaganda que todo mundo que da início a qualquer negócio precisa, o boca boca... de lá pra cá, passaram-se 4 anos, onde criei blog, fan page, e fiz várias amizades e vendas, é claro, né?! ;). Mas quem entra neste mundo dos tecidos, linhas e agulhas, precisa de inspiração... e eu tive minhas inspirações e INSPIRADORAS!


Só descobri que gostaria de costurar quando vi algumas meninas costurando necessaires, panôs, mug rugs, e tantos outros trabalhos e que não tinham necessariamente a ver com roupas, como sempre visualizei através da minha mãe... e dentre elas estava a Lu Gastal, com seu ateliê com cara de casinha de boneca e pra minha grata surpresa, a loja fica aqui mesmo em Porto Alegre, onde nasci e vivo até hoje...  Cheguei entrar em contato com ela através do Facebook, questionando a acessibilidade, caso fosse fazer algum dos curso que ela oferece na própria loja/ateliê, e logo de cara virei fã... ela foi muito atenciosa, disse que quando quisesse visitar a loja, independente se fosse pro curso ou não, seria bem-vinda, e que qualquer coisa o curso poderia ser no piso térreo. Preciso dizer que fiquei encantada com tamanha atenção e carinho? 
Só quem tem algum tipo de limitação física sabe o que é receber esse tipo de atenção, sem qualquer restrição/preconceito por parte de outras pessoas. 
Passaram  alguns anos, até que surgiu a campanha Costure o Bem... abracei a causa, e mais uma vez entrei em contato com a Lu, pra saber se no dia 07/06 ela estaria na loja, quando gostaria de entregar meus patchs e já aproveitar pra conhece-la pessoalmente... ela, simpática como sempre, disse que neste dia teria compromisso e não estaria na loja, mas deixou o convite pra participar do bazar que teria no próximo final de semana (14/06), e que neste dia ela estaria presente na loja... mas veio a chuva, e o bazar foi transferido pro dia 21/06 ... e desta vez, nem entrei em contato, fiz questão de ir até a loja, e ver o bazar, e se ela tivesse por lá, seria perfeito! 
E mais uma vez Deus disse: - Amém!.... lá estava ela descendo as escadas com a minha irmã, que foi encontra-la dentro da loja, enquanto eu aguardava no carro, na frente do bazar... Não sei vocês, mas sou fã da Ivete Sangalo e conhecer a Lu Gastal foi o mesmo que conhecer a Veveta... só que a Lu é a Veveta do Patchwork... capitch?! kkkkkkkkk Ela me encontrou com aquele sorriso que sempre estampa todas imagens dela no blog... Sinceramente não queria tomar muito tempo dela naquele momento, já que era dia de bazar e a loja estava cheia... mas queria transmitir o carinho que tinha por ela e pelo seu trabalho... e o quanto ela havia sido importante na minha descoberta "do que queria ser quando crescesse" (embora eu já tivesse crescido rsrsrsrs). Também falei o quando a campanha Costure o Bem havia dado a oportunidade de muitas outras pessoas fazerem o bem... não só ajudando na campanha, como a elas mesmas, como o relato de uma senhora de mais de 80 anos... já algum tempo sem costurar, voltou a máquina, só pra contribuir com seus quadradinhos de patchs ♥
Acredito que todas que participaram, se sentiram importantes, eu me senti! 
A moral desta longa história... muitas vezes você pode estar fazendo seu trabalho, seja ele qual for... ou praticando o bem, achando que ninguém está reconhecendo (além de Deus, é claro), quando na verdade você pode tá fazendo uma enorme diferença na vida de alguém, a Lu e outras meninas artesãs fizeram muita diferença na minha vida, me deram um caminho, fizeram me sentir capaz... livre... livre pra criar e isso é uma forma de liberdade... palavra essa tão almejada por qualquer pessoa que possua limitações... Sejam pessoas que inspiram!
Ah!!! Lógico que pedi pra registrar esse momento especial com uma fotinho, né?! 


domingo, 29 de junho de 2014

festa de bonecas

Um post de poucas e rápidas palavras. Quem segue o trabalho lugastal sabe: as cores me encantam, e os desafios me motivam! A web nos proporciona encontrar profissionais dos mais diversos segmentos, e a vida nos encarrega de unir conhecimentos e criar bons momentos!!! Foi assim que surgiu essa história - há muito tempo alinhavada a distância com a Ju Françoso (produtora de festas lindas). A festa de bonecas estilo Tilda foi produzida pela equipe da Ju, e ao estúdio lugastal coube a tarefa de.... criar as bonecas! 

Tarefa dada - tarefa cumprida, e muitas bonecas lindas seguiram viagem pra festa da Ju.  Pra compor com a paleta de cores apresentada, trabalhamos com detalhes românticos em looks recheados de detalhes. Pra acompanhar mais detalhes dessa festa que ficou verdadeiramente LINDA, siga #lugastal e #jufrancoso no instagram.

Algumas peças estão disponíveis na loja virtual lugastal - clique AQUI!





 (fotos Danibat)


domingo, 22 de junho de 2014

Cores no inverno lugastal - ano III


Pois é... em janeiro desse ano, quando a temperatura  ultrapassava os 42 graus e a sensação térmica ia nas alturas, prometi a mim mesma que não reclamaria nenhuma vez do frio. Não sou daquelas pessoas que ficam resmungando as quatro estações - gosto de desfrutar o calor, o frio, e curto demais dias de primavera e outono. Mas é claro que há momentos em que algumas ações são mais "sofridas", em determinada estação, como, por exemplo, aconteceu nos dias de mudança do estúdio lugastal, quando sair de perto do ar condicionado pra encaixotar mercadorias no depósito com telhado de zinco foi simplesmente um suplício. Agora, mais precisamente nessa semana, sair de casa as 7h diariamente, com termômetros marcando 5 graus, também não tem sido das atividades mais gostosas de ser fazer, mas vamos lá... tenho duas adolescentes que me esperam pra chegar no colégio, tenho um filho cão que me espera pra passear, e tenho vocês que esperam as novidades do dia nas redes sociais lugastal - portanto, vamos nos aquecer, e curtir esse friozão do jeito que dá.  Use mão de um bom chimarrão, chocolate quente, lareira, estufa, ar condicionado, touca, cachecol, luvas e, por que não dizer, uma latinha vazia de achocolatado com álcool pra aquecer o banheiro (hehehehehe.... atire a primeira pedra o gaúcho que nunca fez isso nos velhos tempos)! Se mesmo assim estiver com frio, quem sabe é hora de ditar moda - e trabalhar de pantufas. Mas ainda acho que um par de meias de lã resolvem o assunto.

Bem, chega de blablablá - as cores do inverno lugastal são esperadas por muita gente que me acompanha por aqui - os posts são, sem dúvida, um dos mais acessados do ano. Há dois anos, encontrei uma referência ao projeto Tricô Urbano, e sobre isso falei AQUI. Depois conheci o trabalho da gaúcha Leti Mattos, que colore as árvores de todo Brasil com seu projeto 13 pompons; e o mundo afora tem abusado de ideias criativas e similares, da árvore à bicicleta tricotadas ou crochetadas com lãs coloridas.

No primeiro inverno lugastal a árvore do sobrado (antigo) foi revestida com muitas (eu disse MUITAS) voltas de lã (fotos AQUI); no ano seguinte, a árvore ganhou um longo tricô, e também ficou linda (fotos AQUI). Eis que 2014 chegou, o estúdio lugastal mudou de endereço, e aqui temos duas novas árvores, que também mereceram esse cuidado. Então, pra apresentar as CORES NO INVERNO LUGASTAL - ano III a decór foi feita novamente em tricô, e pra arrematar galhos mais finos, fios de crochê e pompons, tipo assim, pra dar um ar de jabuticabeira (palavras de uma pedestre que parou para apreciar).

E, pra celebrar a chegada do inverno lugastal 2014, tem vídeo novo no CANAL LUGASTAL DO YOUTUBE - clique AQUI!

(fotos Danibat)


Ahhhh... um detalhe importante a ser partilhado; defronte o estúdio tem uma parada de ônibus com enorme fluxo diário; logo, as opiniões ficam inerentes ao projeto; nesse ano, dentre tantos sorrisos, elogios e sugestões (inclusive a de colocar pompons "tipo jabuticabas coloridas"), um pedestre reclamou que eu tricoto roupas para as árvores ao invés de dar roupa aos mendigos. É claro que ele não falou pra mim, mandou recado, e recado recebido, respondo aqui, caso ele leia o blog lugastal: tricotei com muita alegria cada ponto dessa decoração, faço com amor, com um gosto que talvez ele não entenda. Participo de campanhas do agasalho na escola das meninas, na supermercado e por onde mais tenha caixa de coletas, ajudo o próximo da minha forma -mas nada, nem ninguém, poderá me tirar o prazer de olhar pela janela e ver a expressão de alegria no rosto de quem passa por aqui. É incrível, e isso me deixa muito feliz!

Inverno, seu lindo, pode chegar!

sábado, 21 de junho de 2014

Pé na estrada!


Minha história de amor começou numa kombi! hehehehehe.... sugestivo, né?!?!?! Era novembro de 2003, um feriado de finados, e um grupo de amigos viajou para o interior - era despedida de um amigo querido que faria um ano de estudos na Itália. O ponto de encontro foi na casa dele, lá perto do porto de Pelotas, e de lá seguiríamos para o destino rural. Cada um com sua mochila; o anfitrião se encarregou de acomodar todos os convidados em cada carro. Alguns carros foram saindo, e pra mim coube a carona na kombi do Gastal. Já tinha visto "o tal do Gastal" numa outra ocasião - ele era muito amigo desse meu também  muito amigo - mas eu não o conhecia. Então "lets go", eu e mais uma galera fomos de carona na kombi branca. Coisas do destino e do coração, e o Gastal é meu parceiro de vida desde então!!!

Em março desse ano, mais precisamente na semana do meu aniversário, assisti o vídeo OS ÚLTIMOS DESEJOS DA KOMBI - 4 minutos de pura emoção (assista AQUI!). Assisti uma, duas, muitas vezes... Assim como milhares de pessoas espalhadas pelo mundo, eu também cruzei quilômetros a bordo de uma kombi branca; e como detesto despedidas, tinha de arrumar uma forma de perpetuá-la, do meu jeito. Assim nasceu a kombi lugastal, como o veículo lendário da Volkswagen - com design original, patchwork lugastal  e zero quilômetro,. A primeira produção de kombis lugastal já pegou a estrada - estavam na inauguração do nosso novo estúdio, e integraram a campanha lugastal no site Westwing - Home and Living

E como estamos celebrando a festa das nações em todo Brasil, a segunda edição de kombis lugastal não poderia deixar de entrar no clima da Copa do Mundo. Esses e outros modelos estão disponíveis no estúdio, em Porto Alegre,e na loja virtual (ESCOLHA AQUI), prontinhas pra pegarem a estrada e viajar com vcs!

terça-feira, 17 de junho de 2014

Todos juntos, num só coração!

Pois é.. oito anos se passaram desde o anúncio de que a Copa do Mundo chegaria ao Brasil! Chegou a hora!!!!! Manifestações e opiniões à parte (são inerentes a um evento dessa dimensão), não há como negar: a Copa do Mundo é uma festa das nações, uma confraternização universal, e embora eu seja aquela torcedora que se limita às regras "principais" do jogo (o campo do jogo é retangular, a bola é esférica, tem gol, escanteio, pênalti), gosto mesmo é de torcer enquanto rola a bola; tomar chimarrão, comer pipoca e fazer tricô - gosto de confraternizar! Ah, há seis copas penduro a bandeira brasileira na janela - ela veio no enxoval do marido, e com ela comemoramos as vitórias em 1994 e 2002.

Aqui no estúdio lugastal estamos em festa - além da Copa do Mundo, junho é o mês do nosso aniversário, e preparamos a casa pra te receber da forma com que o povo brasileiro é mundialmente conhecido: com carinho e hospitalidade! No simples e bom estilo "cada um faz a sua parte", a gente deixou a rua Eudoro Berlink mais colorida, e temos a certeza de que os moradores e turistas que por aqui passarem sentirão essa energia! A gente pendurou bandeirinhas, sim! A gente preparou itens pra decorar a casa, sim! A gente tem musa da copa, sim; e com muito orgulho vamos confraternizar nessa festa! Todos juntos, num só coração!

 (verde e amarelo, de portas abertas!)

(A copa lugastal também tem sua musa: Maria Chuteira & pombinha da paz)


  (pra cobrir o bolo e deixar a copa mais gostosa!)
p.s: as tesouras são do acervo da prof Marta!!!!


(ora bolas, iluminadas!)


(pra quem tem coração verde, azul e amarelo!)

sábado, 14 de junho de 2014

Como é grande o meu amor por vocês!

(foto Eduardo Bichinho)

Há exatamente 1 mês, a campanha COSTURE O BEM foi lançada aqui no blog lugastal (leia AQUI). Ensaiava a ideia há dois anos, e na ocasião desse lançamento, tive a expectativa de que a ação fosse abraçada com carinho, mas confesso, não poderia precisar a quantidade de pessoas envolvidas! Realmente essa é uma CORRENTE DE AMOR E COSTURA!

Nesses 30 dias chegaram ao estúdio lugastal blocos de muitos lugares diferentes - desde moradoras de Porto Alegre que ainda não conhecíamos pessoalmente, ao envelope vindo de longe pelos Correios. Até o carteiro que nos traz tantos envelopes e caixinhas não resistiu e quis saber o que está acontecendo!!! É difícil traduzir, mas algumas palavras não podem deixar de constar: CARINHO, SOLIDARIEDADE; UNIÃO; OLHAR AO PRÓXIMO. 

No grupo criado no facebook (COSTURE O BEM) tenho acompanhado a mobilização de todas vocês, a produção das peças, e todo o amor que orbita essa ação. Muitos, muitos, muitos blocos já chegaram aqui, e se ainda não conseguistes enviar o teu e queres participar, não te preocupa: mande quando puder, porque a campanha seguirá em frente!Aliás, o grupo do facebook está aberto a quem quiser participar!

Novidades chegarão através dessa ação, e logo partilharei essa ideia aqui no blog com vcs. Quem está participando, independente de onde mora, será convidada a seguir nessa estrada. Mas por enquanto não me resta nada além de dizer: COMO É GRANDE O MEU AMOR POR VOCÊS!

MUITO  MUITO MUITO OBRIGADA! VOCÊS SÃO INCRÍVEIS!

terça-feira, 10 de junho de 2014

Você faz parte da nossa história!



Estamos em festa! Há exatos 1460 dias abrimos diariamente as portas da nossa casa, faça chuva ou faça sol, em dias de calor intenso, noutros em que o vento minuano traz temperaturas mínimas.  Mudam as estações, as coleções de tecidos, as tendências artesanais, mas a energia que circula é sempre muito gostosa!

Por aqui passam diariamente clientes, alunas,  visitantes de outras cidades, Estados brasileiros e do exterior; em busca de tecidos, em busca de presentes criativos,  em busca de aperfeiçoamento para suas produções artesanais, em busca de inspiração na marca lugastal (usando-a como modelo de negócio em suas ações empresariais/artesanais). O que todas as pessoas que já visitaram nossa casa têm em comum? A busca pelas cores e pela atmosfera criativa lugastal. .  

Já tivemos momentos difíceis, de aprendizado; já tivemos momentos leves, divertidos, também de aprendizado. Nesses primeiros quatro anos várias mudanças ocorreram (os ajustes são necessários e fazem parte desse crescimento); nesse quarto ano de vida e estrada (sim, porque os projetos lugastal já rodaram muitos quilômetros de estrada), aumentamos a família e a casa - hoje dispomos de um espaço mais confortável e gostoso, sem perder o charme e identidade que fazem parte da nossa história. E, tenham certeza, eu e minha equipe trabalharemos sempre em busca de melhorias, para atendê-las cada vez melhor, e para que vocês sintam-se felizes, participando do nosso dia-a-dia - de perto,  à distância, costurando nas Oficinas Craft (aulas de costura do estúdio lugastal), adquirindo nossos presentes criativos, recebendo em sua casa tecidos e produtos via loja virtual, apoiando e participando de nossas ações.

Essa história é feita a várias mãos, e em cada detalhe lugastal há o carinho de toda a equipe. Lisiane, Marta, Anaí, Aline, Jane, Fabiana, Diva, Marcelo, Ana Cláudia - muito obrigada! Sou feliz em tê-los ao meu lado! 

Obrigada também a quem participa da nossa rotina, seja  no estúdio lugastal em Porto Alegre, seja pelas redes sociais e loja virtual, seja pelos eventos que realizamos e participamos em todo Brasíl - VOCÊ FAZ PARTE DA NOSSA HISTÓRIA!